onlywhatsapps.com

VOCÊ NÃO ENCONTRA O QUE PROCURA?

Use nosso mecanismo de busca e encontre tudo que você precisa

Como hackear o WhatsApp

Informação preliminar

Para descobrir quais s√£o as principais t√©cnicas utilizadas pelos cibercriminosos para hackear WhatsApp Devo fornecer algumas informa√ß√Ķes preliminares que podem permitir que voc√™ entenda como funciona o aplicativo e quais s√£o os sistemas de prote√ß√£o adotados por ele.

O WhatsApp usa um sistema de criptografia ponta a ponta (de um ponto a outro), o que permite que voc√™ visualize o conte√ļdo das conversas apenas para remetentes e destinat√°rios leg√≠timos. Gra√ßas a ele, as informa√ß√Ķes s√£o protegidas por uma esp√©cie de cadeado digital, trafegam de forma criptografada at√© os servidores do WhatsApp e chegam ao dispositivo do destinat√°rio, onde s√£o descriptografadas e, portanto, leg√≠veis por este.



Tudo acontece automaticamente, sem que os usu√°rios precisem fazer nada, gra√ßas ao duas chaves criptogr√°ficas: um p√ļblico que √© compartilhado entre os usu√°rios e um privado que reside exclusivamente no smartphone de cada usu√°rio. Outro ponto importante a ressaltar √© que a criptografia abrange n√£o apenas mensagens de texto, mas tamb√©m fotos, v√≠deos e todos os outros conte√ļdos que podem ser gerenciados pelo WhatsApp.

Para ser mais preciso, o sistema de criptografia usado pelo WhatsApp é chamado textsecure, é open source e foi desenvolvido pela empresa Open Whisper Systems, que anunciou sua colaboração com o famoso serviço de mensagens em novembro de 2014. Isso significa que antes o WhatsApp não usava a mesma medida de proteção. Na verdade, ele usava um sistema de criptografia baseado no algoritmo RC4, que funcionava apenas de saída (do dispositivo do remetente para os servidores do serviço) e era muito mais fácil de atacar.

Alguns testes realizados pela empresa de seguran√ßa Heise em abril de 2015 mostraram que a criptografia ponta a ponta n√£o havia sido adotada simultaneamente em todas as vers√Ķes do WhatsApp: na √©poca dos testes ela estava presente apenas no Android, enquanto em outras plataformas o software estava ainda usa o algoritmo RC4, mas agora a situa√ß√£o mudou e, felizmente, a criptografia ponta a ponta est√° ativa em todas as vers√Ķes do WhatsApp, independentemente do sistema operacional instalado no dispositivo. Se voc√™ quiser mais informa√ß√Ķes sobre isso, tamb√©m pode ler meu tutorial sobre como criptografar o WhatsApp.



Diante do exposto, o WhatsApp agora deve ser razoavelmente seguro, a criptografia de ponta a ponta deve impedir que invasores capturem conversas por meio de atividades como farejando redes sem fio (ou seja, monitorar a rede à qual o dispositivo de referência está conectado, sobre o qual falei detalhadamente em meu guia sobre como farejar uma rede sem fio), mas infelizmente existem algumas incógnitas que precisam ser levadas em consideração.

Em primeiro lugar, é preciso dizer que o WhatsApp é um software fonte fechada, portanto, não podemos examinar completamente seu código-fonte e não podemos saber se a criptografia de ponta a ponta foi implementada sem falhas. Então eles existem outras técnicas, como os que você encontra relatados neste tutorial, menos refinados do que a detecção sem fio, mas não menos eficazes, que permitem espionar o WhatsApp e as conversas dentro do aplicativo.

Em 2021, por exemplo, houve um pouco de pol√™mica porque se descobriu que, ao reportar conte√ļdos no WhatsApp, as mensagens a serem denunciadas s√£o vistas em texto puro pelo pessoal da rede social, juntamente com as quatro anteriores (enviadas para dar "um contexto" √† conversa), mas isso √© normal, pois os relat√≥rios devem ser avaliados quanto ao m√©rito pelos gestores dos servi√ßos e s√£o enviados voluntariamente pelos usu√°rios (n√£o faria sentido enviar mensagem para avalia√ß√£o pelos Equipe do WhatsApp ileg√≠vel!).

Como hackear o WhatsApp

Neste ponto, eu diria que estamos lá: podemos finalmente chegar ao coração do guia e ir e descobrir, portanto, quais são os técnicas mais comuns entre os bandidos para hackear o WhatsApp. Você pode encontrá-los listados abaixo.


Clonagem de endereço MAC

Uma técnica de hackear o WhatsApp muito popular entre os cibercriminosos é aquela que fornece o Clonagem de endereço MAC, ou melhor, a instalação de uma cópia "clonada" do aplicativo. O que significa uma cópia "clonada"? Vou explicar para você imediatamente.


Ao disfar√ßar o endere√ßo MAC do seu smartphone e ativar o WhatsApp com seu n√ļmero de telefone, um invasor pode usar o servi√ßo de mensagens em seu smartphone, enganando os sistemas de verifica√ß√£o do aplicativo e acessando sua conta sem perturba√ß√Ķes.

Il Endere√ßo MACna verdade, √© um c√≥digo num√©rico que identifica de forma √ļnica todos os dispositivos capazes de se conectar √† Internet e o WhatsApp o utiliza, junto com o n√ļmero do telefone, para verificar a identidade dos usu√°rios.

Agora, se algu√©m com conhecimento m√©dio-alto de inform√°tica consegue roubar seu smartphone e descobrir o endere√ßo MAC do aparelho (informa√ß√£o livremente acess√≠vel a partir do menu com as informa√ß√Ķes do sistema operacional), ele pode usar aplicativos para disfar√ßar o endere√ßo MAC de seu smartphone (por exemplo, BusyBox e Mac Address Ghost para Android ou SpoofMAC para iPhone, sobre o qual falei em meu guia sobre como clonar o WhatsApp) e torn√°-lo igual ao seu.

Nesse momento, o ‚Äúespi√£o‚ÄĚ de plant√£o pode instalar uma c√≥pia do WhatsApp em seu celular, ativ√°-lo pelo seu n√ļmero de telefone (ou seja, enviando o SMS com o c√≥digo de verifica√ß√£o para o seu aparelho) e acessar o servi√ßo fingindo ser voc√™, dessa forma obter acesso total √†s suas conversas.


Em si, portanto, a clonagem do endereço MAC não é uma operação muito complexa, mas para completá-la é necessário obter acesso físico ao smartphone da vítima e também ter muito tempo à sua disposição.

E se algu√©m, com habilidades mais modestas em inform√°tica, tentasse ativar uma nova c√≥pia do WhatsApp com o seu n√ļmero? A resposta √© dada em breve: sem a clonagem pr√©via do endere√ßo MAC, ele se provaria totalmente in√ļtil. O WhatsApp, na verdade, permite que voc√™ associe cada n√ļmero de telefone a apenas um smartphone por vez. Isso significa que o propriet√°rio leg√≠timo da conta pode recuperar a posse total de sua identidade simplesmente reativando o WhatsApp em seu smartphone. O telefone do espi√£o perderia automaticamente o acesso.


 

App espi√£o

Outro perigo para o qual devemos ter muito cuidado s√£o os chamados aplicativo espi√£o, ou seja, aplicativos, muitas vezes invis√≠veis aos olhos do usu√°rio, capazes de hackear o WhatsApp gravando as mensagens compostas no teclado, capturando imagens da tela do telefone e enviando outras informa√ß√Ķes para as pessoas remotamente.

Existem tantas aplica√ß√Ķes deste tipo: algumas de natureza mais natural profissional e pagos, concebidos com o objetivo claro de espionar usu√°rios e outras pessoas muitas vezes gratuitas, que servem oficialmente para a realiza√ß√£o de atividades controlo parental ou para monitorar o telefone em caso de perda / roubo, mas configurado corretamente, pode se tornar uma ferramenta de espionagem completa. Felizmente, no entanto, esses aplicativos n√£o s√£o para todos e, al√©m disso, s√£o muito caros e s√≥ podem ser usados ‚Äč‚Äčem dispositivos que foram desbloqueados ou desbloqueados.

Entre os aplicativos espi√Ķes mais avan√ßados e populares da atualidade, destaco o iKeyMonitor, que √© compat√≠vel com Android e iPhone e permite espionar todas as atividades: os aplicativos usados, as mensagens trocadas, os textos digitados no teclado do telefone, o liga√ß√Ķes e muito mais.

Entre os aplicativos de controle dos pais, no entanto, aponto Qustodio, que pode ser usado em Android e iOS, bem como Tempo de tela, também disponível para Android e iOS, que permitem monitorar os aplicativos em execução no telefone e limitar seu uso, mesmo que não permitam o rastreamento direto das mensagens trocadas no WhatsApp.

WhatsApp Web / Desktop

Voc√™ sabe WhatsApp web? Este √© um servi√ßo online que permite que voc√™ use o WhatsApp do seu computador sem instalar um software espec√≠fico. E de WhatsApp desktop, voc√™ j√° ouviu falar disso? √Č o cliente para Windows e macOS do famoso servi√ßo de mensagens que √© o assunto deste guia. Eu descrevi as duas solu√ß√Ķes para voc√™ em meu tutorial sobre como usar o WhatsApp no ‚Äč‚ÄčPC.

Tanto o WhatsApp Web quanto o Desktop s√£o capazes de armazenar a identidade do usu√°rio, portanto, ap√≥s o primeiro login, n√£o h√° necessidade de autenticar novamente e funciona mesmo que o smartphone n√£o esteja conectado √† mesma rede sem fio que o PC (desde que esteja conectado para qualquer rede Wi-Fi, ou mesmo para a rede de dados 3G / 4G / 5G) e mesmo quando o smartphone n√£o estiver conectado, se as configura√ß√Ķes do WhatsApp estiverem ativadas fun√ß√£o multi-dispositivo (que no momento de escrever este tutorial ainda est√° em beta, mais informa√ß√Ķes aqui).

A partir dessas "pistas" voc√™ pode entender facilmente que um invasor pode roubar seu telefone com qualquer desculpa, us√°-lo para acessar o WhatsApp Web em seu computador (basta escanear um c√≥digo QR com a c√Ęmera do celular) e espionar suas mensagens, embora at√© o momento essa t√©cnica n√£o pode mais ser considerada 100% v√°lida, pois o WhatsApp envia notifica√ß√Ķes relacionadas ao acesso e requer identifica√ß√£o biom√©trica para ativar o acesso.

Como hackear o WhatsApp sem o telefone da vítima

Caso você esteja se perguntando se existe uma maneira de hackear o WhatsApp sem ter o telefone da vítima em mãos, Respondo imediatamente que sim, a coisa é viável, embora neste caso o termo "hackear" não seja exatamente correto.

Voc√™ deve saber, de fato, que existem alguns servi√ßos para monitorar o acesso ao WhatsApp, utiliz√°vel em forma de app ou a partir do navegador, que oferecem a possibilidade de obter os dados em quest√£o digitando o n√ļmero de telefone da pessoa do seu interesse.

Eles n√£o requerem acesso f√≠sico ao smartphone da v√≠tima e voc√™ n√£o pode se defender contra sua a√ß√£o, pois os tempos de acesso ao WhatsApp s√£o dados p√ļblicos afinal, mas felizmente n√£o agem de outra forma.

Na maioria dos casos, o uso dessas solu√ß√Ķes √© totalmente gratuito, mas alguns recursos avan√ßados, como a exporta√ß√£o dos dados obtidos, s√≥ est√£o dispon√≠veis mediante o pagamento de uma taxa. Al√©m disso, deve-se levar em considera√ß√£o que de vez em quando servi√ßos desse tipo deixam de funcionar de maneira adequada ou at√© mesmo total.

Como n√£o ser hackeado no WhatsApp

Como eu havia antecipado no in√≠cio do guia, parece correto indicar a voc√™ tamb√©m como evitar que um invasor pode hackear sua conta do WhatsApp colocando em pr√°tica as t√©cnicas que descrevi para voc√™ nas linhas anteriores. Abaixo, portanto, voc√™ encontrar√° uma s√©rie de dicas √ļteis.

  • Atualizar WhatsApp - sempre baixando as atualiza√ß√Ķes mais recentes dispon√≠veis para o aplicativo WhatsApp, voc√™ pode evitar que pessoas mal-intencionadas usem quaisquer falhas que possam encontrar no c√≥digo do aplicativo. Para mais detalhes sobre isso, voc√™ pode ler meu guia sobre como atualizar o WhatsApp no ‚Äč‚ÄčiPhone.
  • Desconecte os dispositivos do WhatsApp - se voc√™ est√° preocupado que algu√©m esteja usando sua conta do WhatsApp sem o seu conhecimento, para resolver desconecte todos os dispositivos atualmente ativos com o servi√ßo. Para fazer isso, voc√™ s√≥ precisa intervir nas configura√ß√Ķes do aplicativo, conforme expliquei em detalhes no meu guia sobre como desconectar o WhatsApp Web.
  • Ativar bloqueio no WhatsApp - saiba que o WhatsApp oferece aos seus usu√°rios uma fun√ß√£o que permite bloquear o acesso ao aplicativo pelo rosto ou impress√£o digital, o que permite impedir o acesso √†s suas conversas a quem n√£o esteja autorizado. Para entender como habilitar esse recurso, leia meu guia sobre como colocar o bloqueio no WhatsApp.
  • Defina um PIN seguro - se utilizar um PIN suficientemente seguro no seu telem√≥vel, pode evitar que pessoas mal-intencionadas acedam ao seu telem√≥vel e, consequentemente, tamb√©m ao WhatsApp. A maioria dos dispositivos tamb√©m permite que voc√™ configure o desbloqueio, definindo o uso de sua impress√£o digital e rosto. Para obter mais detalhes, consulte meu artigo sobre como bloquear a tela.
  • Desativar exibi√ß√£o de SMS na tela de bloqueio - ao clonar o endere√ßo MAC do smartphone, um invasor pode ativar o WhatsApp em seu telefone usando seu n√ļmero. Para fazer isso, no entanto, ele deve ser capaz de ler o c√≥digo de verifica√ß√£o fornecido por SMS em seu telefone celular. Portanto, ao desativar a exibi√ß√£o de SMS na tela de bloqueio, voc√™ pode evitar que situa√ß√Ķes desse tipo ocorram. Para entender como proceder, leia minha postagem sobre como n√£o mostrar mensagens na tela de bloqueio.
  • N√£o use redes Wi-Fi p√ļblicas - a criptografia ponta a ponta n√£o deve permitir a detec√ß√£o de redes sem fio, mas para maior seguran√ßa, sugiro que voc√™ evite conectar seu telefone celular a redes Wi-Fi p√ļblicas e / ou redes que n√£o tenham seguran√ßa adequada. Em vez disso, use a rede 3G / 4G / 5G do seu SIM. Alternativamente, voc√™ pode um servi√ßo VPN (rede privada virtual) no seu smartphone. Gra√ßas a servi√ßos deste tipo, como NordVPN (sobre o qual falei em detalhes aqui) e Surfshark (do qual falei aqui), voc√™ poder√° criptografar todos os dados da sua conex√£o tornando-os inacess√≠veis para o exterior, superar bloqueios regionais, censuras e at√© mesmo acessar os cat√°logos estrangeiros de servi√ßos de streaming. Tudo a pre√ßos bastante baixos.
  • Verifique se h√° aplicativos espi√Ķes - se voc√™ acha que pode haver algum aplicativo espi√£o no seu celular, acesse a lista de aplicativos instalados neles para verificar isso e, claro, remova-os o mais r√°pido poss√≠vel. Para obter mais informa√ß√Ķes, leia minha postagem sobre como excluir software espi√£o do seu celular.
  • Reative a conta desativada - se algu√©m habilitou o WhatsApp em outro dispositivo com seu n√ļmero de telefone, voc√™ n√£o poder√° mais us√°-lo em seu smartphone. Se voc√™ se encontrar em tal situa√ß√£o, entre em contato com o suporte do WhatsApp para relatar o assunto. Para saber mais, leia meu guia sobre como entrar em contato com o WhatsApp.
Adicione um coment√°rio a partir de Como hackear o WhatsApp
Comentário enviado com sucesso! Vamos revisá-lo nas próximas horas.